Chinatown

Entre em contato

.

Há muitas coisas para conhecer em Chicago. Uma delas, imperdível, é o bairro chinês: Chinatown, com seu comércio exótico e resturantes autenticamente chineses, daqueles onde não passa pela cabeça da garçonete que você vá pedir “algo” para adoçar seu chá, servido antes de qualquer coisa chegar à mesa. Mas como você não conhece os hábitos da casa e imagina ter pedido uma colherinha, a moça, sorridente, lhe taz um canudinho de refrigerante, imitando os movimentos que você deve fazer. É evidente que há restaurantes chineses menos autênticos, mas, convenhamos, o “gostinho”não é o mesmo.

Dragões, budas, deuses, serpentes e uma centena de outros objetos, literalmente cobrindo tetos e paredes, com uma abundância incrível das mais vivas cores, sempre acompnahadas de dourado, fascinam. E a porcelana chinesa, cuidadosamente decorada, com detalhes que revelam a infindável paciência desse povo misterioso, dão um alerta: ainda existe vida fora da tecnologia.

Dizem as más línguas que eles são os piores motoristas de Chicago, e os mais em humorados completam: “They only see lines”.